Ano novo, novos hábitos

A cada ano que se inicia, muitas pessoas fazem resoluções e se prometem mudanças nas suas vidas. Geralmente, mudanças que levarão a uma maior qualidade, mas que para serem realizadas precisam de persistência. No entanto, o excesso de energia gasta no começo do ano para tentar promover uma grande transformação repentinamente, faz com que muitos fracassem rapidamente, deixando para trás seus objetivos. Mas existem formas de implementar essas almejadas mudanças. Elas começam pela formação de um hábito. E é sobre isso que vamos falar nessa postagem. Como construir hábitos de forma sustentável?

Hábitos de ano novo

Sucesso é resultado de planejamento, persistência e esforço. Seja qual for sua fórmula para o sucesso, você não o alcançará de graça. É necessário construí-lo. E para isso, sugiro duas ações para o início do ano:

  1. Planejar seus objetivos de ano novo: Quem constrói um plano e o executa, atinge seus objetivos. Quem não faz, deixa para o dia seguinte, ou até mesmo esquece no meio do percurso. No início de 2015 escrevi aqui no blog uma postagem com dicas de como traçar um plano anual. O texto é atual e perfeitamente aplicável, e você pode conferí-lo neste link.
  2. Construção de novos hábitos: Hábitos são excelentes ferramentas para se buscar objetivos, ritmo na vida e manter a energia diária. Todos temos dezenas, talvez centenas de hábitos, que nem percebemos. Eles moldam boa parte da nossa vida e dos resultados que colhemos (ou não). Tenho certeza que a construção de novos hábitos positivos pode alavancar muito o seu sucesso em 2016!

Pessoas bem sucedidas são simplesmente
aquelas com hábitos de sucesso.

Brian Tracy

Os hábitos são padrões de comportamento que moldam a nossa vida, nossas ações, e nossos resultados diários.

Maus hábitos são extremamente prejudiciais ao sucesso. A procrastinação é um exemplo claro de hábito que desperdiça o nosso tempo, que nunca mais conseguiremos recuperar. Pensamento negativo também, pois acaba com nossa energia para agir, faz com que nos coloquemos na posição de vítima e não de responsáveis por nossas ações e resultados.

Já os bons hábitos permitem atingirmos nosso potencial máximo. Veja alguns exemplos:

  • Atividade física: O hábito de fazer exercícios regula a saúde do corpo, o bem-estar mental, alivia o stress e a ansiedade, combate a insônia, entre muitos outros benefícios. Quem faz atividade física regularmente tem uma vida muito mais equilibrada e produtiva.
  • Gestão do tempo: O hábito de se planejar regularmente traz aumentos consideráveis de produtividade e efetividade. Dez minutinhos diários já são suficientes para fazer toda a diferença na sua vida. (Leia mais sobre Gestão do Tempo e Efetividade).
  • Leitura: O hábito da leitura só traz benefícios. Relaxa, trabalha a concentração, estimula o cérebro, entre outros.

Benefícios dos hábitos

Confira alguns benefícios que a construção de novos hábitos oferecem para você:

  • Hábitos modificam nossa personalidade. Um novo hábito, quando consolidado, reestrutura toda a forma de ser, pensar e agir. Nossos padrões mentais são reescritos. A manutenção de maus hábitos nos impede de evoluir, mas a sua substituição por bons hábitos nos permite ir muito além.
  • Grandes realizações são o resultado do acúmulo de pequenos resultados. Nada grande é conquistado em um único passo. Hábitos nos permitem realizar constantemente os pequenos passos para atingir grandes resultados. É como se aprende um novo idioma, um instrumento musical, uma nova profissão, por exemplo.
  • Bons hábitos propagam uma cadeia de mudanças positivas. É difícil perceber todas as mudanças geradas por um único hábito formado. Podem ser muitas! A atividade física regular, por exemplo, faz com que a pessoa naturalmente se alimente melhor, regule a hora de dormir e acordar, elimine vícios prejudiciais como o fumo ou álcool, entre outros.

Como manter bons hábitos

Por fim, fica algumas dicas importantes para você conseguir manter bons hábitos:

  1. Construa um hábito por vez. Você vai gastar energia considerável para construir um hábito sólido. Para um hábito diário, por exemplo, será necessário um a dois meses. Após algum tempo, gradativamente o esforço para manter o hábito irá diminuir. Respeite esse tempo, persista no hábito, e ele vai se tornar um costume, e depois algo automático na sua rotina diária. Esse é o momento de partir para construção de outro hábito.
  2. Persista no seu hábito, mesmo quando não se sentir motivado. A persistência é fundamental para construção de hábitos. Em algum momento você vai sentir falta de motivação para continuar construíndo seu novo hábito. E aí? Aí entenda que motivação não vem antes da ação. A ação é que gera a motivação de continuar. Então realize a tarefa de qualquer jeito, e logo você colherá os resultados de seu novo hábito. E é aí que motivação para continuar irá aparecer!
  3. Compartilhe seu hábito com alguém: Compartilhe com sua namorada, namorado, familiar, um amigo ou colega, que você está construíndo um novo hábito. Contar para as pessoas gera um maior comprometimento consigo mesmo na hora de realizar o seu hábito. Afinal, você não quer decepcionar os outros, certo?

E aí, você consegue identificar sues hábitos ruins, que podem ser substituídos por novos hábitos, bons e fortalecedores? Então é hora de começar a construí-los. Não esqueça, é preciso paciência, determinação e esforço. Comece já! Depois de consolidados, você certamente não se arrependerá dos resultados que os novos hábitos irão lhe trazer!

Sucesso no novo ano!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s